PF combate repasses indevidos a agentes públicos em Goiás

Goiânia/GO – A Polícia Federal deflagrou nesta quinta-feira (6/12) a Operação Confraria, desdobramento da Operação Cash Delivery, com objetivo de desarticular organização criminosa voltada para cobrança, recebimento e ocultação de valores indevidos no âmbito da Companhia de Desenvolvimento Econômico de Goiás – CODEGO.

Cerca de 50 policiais federais estão cumprindo 10 mandados de busca e apreensão e 4 mandados de prisão temporária, além de sequestros de imóveis, nas cidades de Goiânia/GO, Caldas Novas/GO, Aruanã/GO, Brasília/DF e Búzios/RJ, todos expedidos pela 11ª Vara da Justiça Federal em Goiânia.

Os investigados foram indiciados pelos crimes de lavagem de dinheiro, associação criminosa e corrupção.

O nome da operação faz alusão às frequentes reuniões entre os investigados, com o fim de planejarem as atividades ilícitas.

 

Comunicação Social da Polícia Federal em Goiás

cs.srgo@dpf.gov.br | www.pf.gov.br

Contato: (62) 3240-9607 (62) 99190-1618

Comentários